Menssagem de erro

In Brazil and in the World

O Brasil na Arte Popular

2012
Galpão Ação da Cidadania
Rio de Janeiro/RJ – Brasil

Por ocasião da realização da Conferência Internacional Rio+20, o Museu Casa do Pontal levou ao Centro da cidade do Rio de Janeiro uma parte do acervo para celebra o tema “Cultura e Sustentabilidade”. Além de reverenciar o artista Mestre Vitalino, a mostra circulou pelos quatro elementos da natureza: água, terra, fogo e ar. Levado pelo deslizar das águas, o visitante encontrou o rio São Francisco com as carrancas de Francisco Biquiba, conhecido como Guarany. Por terra, entrou nos caminhos da cerâmica e da arte do vale do Jequitinhonha, com a recriação do cotidiano de Noemiza Batista e o mundo fantástico de Ulisses Pereira Chaves. A partir do fogo sempre vivo dos fornos, foi introduzido na arte visionária de Manuel Galdino, com bichos que tomam emprestadas feições humanas. O “Sinaleiro de Vento”, de Francisco Rosa dos Santos, que recebeu os visitantes na porta de acesso ao Galpão, indicava aos presentes a importância dos fluxos renovadores do ar, com seus movimentos liberadores.